sábado, 18 de maio de 2024
Campo Grande
20°C

Rádio SOUCG

Xógum | Hiroyuki Sanada assina contrato para segunda temporada

Durval Ramos

Xógum | Hiroyuki Sanada assina contrato para segunda temporada


Xógum: A Gloriosa Saga do Japão

deve mesmo ganhar uma segunda temporada, contrariando o que parte da equipe havia comentado anteriormente
. O ator Hiroyuki Sanada (
John Wick 4: Baba Yaga

), que protagoniza a série e é um de seus principais produtores, assinou contrato para continuar a história, abrindo caminho para mais episódios.

Na trama, Sanada vive Yoshii Toranaga, um dos cinco regentes que cuida do Japão enquanto o herdeiro do imperador ainda é menor de idade. De acordo com o site Deadline, o novo contrato do ator com o canal FX é para que ele reprise o papel, indicando que a ideia é mesmo mostrar o que aconteceu após todas as reviravoltas da primeira temporada.

O grande detalhe é que a série adaptou toda a trama do livro de James Clavell em seus 10 episódios. É por essa razão que, ao longo dos últimos meses, toda a equipe ligada à série sempre tratou a produção como uma minissérie, ou seja, uma história fechada em si mesmo e sem planos para sequências.


CT no Flipboard
: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.

Por isso mesmo, essa possível segunda temporada se torna uma grande incógnita. Caso saia mesmo do papel, o mais provável é que os roteiristas deixem os livros de Clavell de lado e se voltem para a própria história do Japão, recriando os primeiros anos da Era Tokugawa.

Qual a história da segunda temporada de Xógum?

A série Xógum: A Gloriosa Saga do Japão
é baseada no livro que o escritor James Clavell publicou em 1975 que traz uma versão ficcional da história do país asiático. Contudo, a história de Yoshii Toranaga é claramente inspirada em uma figura histórica real: Ieyasu Tokugawa.

Tanto que toda a trama de conspiração envolvendo os regentes e a ascensão desse novo líder que o seriado apresenta é algo que encontra paralelos nos livros de História. Dessa forma, não seria tão complicado criar um roteiro para novos episódios.

O xogunato Tokugawa durou 268 anos, indo da Batalha de Sekigahara, em 1600 — e que chega a ser mencionada em Xógum
como um evento inevitável entre os exércitos dos regentes — até a Restauração Meiji, em 1868. Para os fãs de anime, é o momento em que começa Samurai X
.

Dessa forma, com o retorno de Hiroyuki Sanada no papel de Yoshii Toranaga, a série deve não apenas mostrar o sangrento conflito em Sekigahara como apresentar os primeiros anos do novo xógum no poder, incluindo as várias reformas que instaurou no país.

Novos e velhos personagens?

A grande dúvida é o quanto essa liberdade criativa vai implicar no que foi apresentado até agora. O seriado é bastante focado em John Blackthorne (Cosmo Jarvis), um britânico que acaba indo para o Japão e que acompanha de perto a ascensão de Toranaga. Com o novo xógum já no poder, o estrangeiro perde sua função dentro da narrativa.

O anúncio de que Sanada vai retornar não traz qualquer menção a outros nomes do elenco, o que apenas reforça essa dúvida.

Ao mesmo tempo, o xogunato do verdadeiro Tokugawa abriu as portas para outras figuras histórias muito conhecidas do Japão, incluindo do lendário samurai Miyamoto Musashi, que começa sua jornada nessa mesma época.

Leia a matéria no Canaltech
.

Trending no Canaltech:

Fonte

Enquete

O que falta para o centro de Campo Grande ter mais movimento?

Últimas