sexta-feira, 21 de junho de 2024
Campo Grande
22°C

Rádio SOUCG

  • ThePlus Audio

Xiaomi 15 tem detalhes de câmera, tela e processador vazados

Victor Carvalho

Xiaomi 15 tem detalhes de câmera, tela e processador vazados

O Xiaomi
15 deve ser anunciado apenas no fim do ano, mas detalhes relacionados a algumas especificações do próximo topo de linha da gigante chinesa acabam de surgir graças ao confiável informante Digital Chat Station.

Em postagem na rede social chinesa Weibo, o leaker cita que o Xiaomi 15 está em desenvolvimento com tela de mesmo tamanho do antecessor. Dessa forma, esperamos que o display de 6,36 polegadas seja mantido.

É descrito que o modelo terá painel LPTO para taxa de atualização variável (possivelmente até 120 Hz) e resolução 1,5K (superior ao Full HD).


Feedly: assine nosso feed RSS
e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.

O futuro e ainda não anunciado Snapdragon 8 Gen 4 será o chipset responsável por equipar o Xiaomi 15, tendo até 16 GB de memória RAM
e até 1 TB de armazenamento.

Para o conjunto de câmeras, o dispositivo apostará em um sensor principal de 50 MP fabricado pela Omnivision com tamanho de 1/1.3 polegada, 50 MP para a lente ultrawide e 50 MP para a lente telefoto com 3x de zoom óptico e modo macro.

As especificações coincidem com o atual Xiaomi 14
, que adota três sensores de 50 MP para as lentes principal, ultrawide e telefoto.

É dito que o Xiaomi 15 será vendido com acabamento em vidro e tecido que imita couro, além de estrear com leitor biométrico ultrassônico sob a tela, alto-falantes estéreo e motor de vibração melhorado.

Como o Xiaomi 14 e Xiaomi 14 Pro foram anunciados em outubro de 2023
, é possível que o Xiaomi 15 e Xiaomi 15 Pro
sejam apresentados por volta de outubro deste ano, ou um pouco mais cedo.

Informações mais precisas sobre a data de lançamento, preço e disponibilidade global da série Xiaomi 15 devem surgir em breve.

Leia a matéria no Canaltech
.

Trending no Canaltech:

Fonte

Enquete

O que falta para o centro de Campo Grande ter mais movimento?

Últimas