sexta-feira, 12 de abril de 2024
Campo Grande
24°C

Rádio SOUCG

X/Twitter vai dar Premium para quem tem muitos seguidores

Bruno De Blasi

X/Twitter vai dar Premium para quem tem muitos seguidores

Se você tem uma conta badalada no X (ex- Twitter
), já pode comemorar: a rede social vai oferecer a assinatura do Premium de graça para quem tem a partir de 2.500 seguidores verificados. A promessa partiu do dono da empresa, Elon Musk
, em uma publicação feita na própria plataforma nesta quarta-feira (27).

X Premium de graça

Em um anúncio breve, Musk informou que perfis com “mais de 2.500 seguidores verificados” vão receber o Premium sem custo adicional. Já para quem tem 5.000 seguidores na mesma condição, será oferecido o Premium+.

Apesar de não ser um número difícil para muitas pessoas, existe uma pequena pegadinha: só é válido para quem tem essa quantia de seguidores que pagam o Premium ou Premium+. Ou seja, não é só acumular 2.500 ou 5.000 pessoas acompanhando o seu conteúdo: é preciso essa quantia seja de pessoas que paguam a assinatura do X.


Podcast Porta 101
: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.

As assinaturas do Premium, vale lembrar, custam a partir de R$ 42 ao mês ou R$ 440 por ano. O preço pode variar ao fazer a assinatura por lojas de aplicativos, como a App Store (iOS) e Play Store (Android).

O empresário não explicou o motivo para oferecer o serviço de graça, especialmente depois da odisseia que ceifou o selo azul de verificado ao oferecê-lo apenas ao público pagante
. Por outro lado, tudo indica que a gratuidade é uma tentativa de atrair mais usuários e até mesmo mais assinantes.

Musk também não deu outros detalhes mais aprofundados. Só disse que a ação valeria “daqui para frente” e que valeria para “todas as contas do X”.

O que é X Premium e X Premium+?

O X Premium e o X Premium+ são os novos planos pagos da rede social para quem quer aprofundar a experiência e explorar recursos inéditos — antigamente, esse recurso era chamado de Twitter Blue. Além de liberar o selo de verificação azul, o serviço aumenta o alcance de publicações e reduz a exibição de anúncios.

Comecemos pelo Premium, que custa R$ 42 por mês ou R$ 440 por ano. O plano tem exibição parcial de anúncio e grande alcance das publicações, além de liberar a edição dos posts, liberar a conteúdos mais longos e oferecer o download de vídeos sem depender de apps de terceiros.

O Premium+ é o mais encorpado — e, consequentemente, o mais caro: R$ 84 por mês ou R$ 880 por ano. O pacote reúne tudo do Premium, mas remove todos anúncios, tem impulsionamento de posts maior e disponibiliza a publicação de artigos na rede social
.

A rede social ainda oferece um plano mais simples, o Básico, que não oferece verificação e nem altera a exibição de anúncios e o alcance dos conteúdos. Contudo, traz recursos importantes, como a edição de posts, libera publicações com mais caracteres e afins.

Leia a matéria no Canaltech
.

Trending no Canaltech:



Fonte

Enquete

O que falta para o centro de Campo Grande ter mais movimento?

Últimas