quinta-feira, 20 de junho de 2024
Campo Grande
19°C

Rádio SOUCG

  • ThePlus Audio

Dragon Ball: Sparking! Zero chega aos consoles e PC em outubro

Durval Ramos

Dragon Ball: Sparking! Zero chega aos consoles e PC em outubro

Goku e companhia já têm data para estourar o ki nos consoles. O novo Dragon Ball: Sparking! Zero
chega ao PlayStation 5
, Xbox Series e PC no próximo dia 11 de outubro e traz de volta uma das linhas de jogos mais icônicas e populares da franquia.

Isso porque o novo jogo faz parte da série Dragon Ball Z: Budokai Tenkaichi
, que fez muito sucesso na geração do PlayStation 2
e que ajudou a manter a popularidade da saga criada por Akira Toriyama no mundo dos games. E, depois de 15 anos, os fãs vão poder revisitar esse universo.

A data foi confirmada durante o trailer inédito apresentado durante o Summer Game Fest, que trouxe revelou alguns novos modos do título e que prometem trazer mecânicas e dinâmicas novas para além da simples pancadaria.


Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/podcast/

A principal dessas novidades é a chamada Batalha em Episódio, que vai permitir que os jogadores possam reviver momentos específicos dentro da cronologia de Dragon Ball
, recriando cenas icônicas e travando batalhas que se tornaram emblemáticas no anime. De acordo com a Bandai Namco, responsável pelo jogo, serão oito personagens disponíveis que terão uma sequência de eventos-chaves para serem encenados.

Outro modo apresentado para Dragon Ball: Sparking! Zero
é a Batalha Personalizada. Como o próprio nome já sugere, a nova modalidade traz um nível maior de customização dos combates, criando condições específicas. O detalhe é que elas podem ser compartilhadas entre os jogadores, além de encarar desafios criados pelos próprios desenvolvedores. Trata-se de uma forma divertida de imaginar cenários improváveis da saga. Afinal, como seria o universo de Yamcha fosse um grande herói?

Novos personagens

Falando nos lutadores, o novo trailer confirmou novos nomes ao elenco de Dragon Ball: Sparking! Zero
. Não há nenhuma surpresa, já que ninguém duvidaria que teríamos diversas versões de Goku, Gohan ou mesmo de vilões como Freeza. O destaque fica para nomes um pouco menores dentro da franquia, como Raditz e até Bardock, o pai de Goku.

Os personagens confirmados no novo trailer são:

  • Goku (Super Saiyajin) Ultra Instinto;
  • Gohan (Adulto) Super Saiyajin 2;
  • Freeza Dourado;
  • Bardock;
  • Raditz;
  • Goku Black;
  • Zamasu;
  • Jiren (Poder Total).

Edições especiais

E, como de costume, a Bandai Namco confirmou que Dragon Ball: Sparking! Zero
terá diferentes versões chegando aos consoles no próximo dia 11 de outubro — e cada uma delas vai trazer conteúdos bastante específicos. A começar pela versão de pré-venda, que tratá acesso antecipado a vários personagens. São eles:

  • Gogeta;
  • Gogeta (Super Saiyajin);
  • Gogeta (Super Saiyajin Deus Super Saiyajin);
  • Broly;
  • Broly (Super Saiyajin);
  • Broly (Super Saiyajin) Poder Total.

Um sétimo personagem também faz parte desse pacote, mas o estúdio afirmou que só vai revelar sua identidade futuramente.

Além disso, há duas edições especiais que trazem ainda mais personagens e outros conteúdos — perfeitos para quem quer a experiência mais completa possível de Dragon Ball
. São elas:

Digital Deluxe Edition

  • Todo o conteúdo da edição básica;
  • 3 dias de acesso antecipado ao jogo;
  • Personagens de Dragon Ball Super: Super Hero
  • Personagens de Dragon Ball Daima
  • Invocação de Shenlong para desbloquear itens.

Digital Ultimate Edition

  • Todo o conteúdo da edição básica;
  • Todo o conteúdo da Digital Deluxe Edition;
  • Traje Goku (Super Saiyajin) com Power
    Pole;
  • Emote Voice Set;
  • 1 item de personalização;
  • 2 fundos de cartas de jogador;
  • Super Invocação de Shenlong para desbloquear itens ou personagens.

Leia a matéria no Canaltech
.

Trending no Canaltech:

Fonte

Enquete

O que falta para o centro de Campo Grande ter mais movimento?

Últimas