quinta-feira, 23 de maio de 2024
Campo Grande
24°C

Rádio SOUCG

Acessibilidade do Android vai encontrar objetos com a câmera

André Lourenti Magalhães

Acessibilidade do Android vai encontrar objetos com a câmera

No Dia Mundial de Conscientização sobre a Acessibilidade, celebrado nesta quinta-feira (16), o Google
anunciou uma série de recursos de acessibilidade para o Android e o Google Maps. Um dos destaques é a chegada de um modo ao aplicativo Lookout para encontrar objetos, placas e outros itens com a câmera do celular.

Localização de objetos

O aplicativo Lookout é indicado para pessoas com deficiências visuais e usa a câmera para identificar elementos e ler textos em voz alta. A ferramenta ganhou um recurso chamado “Find Mode” (“Modo de procura”, em tradução livre), na qual é possível encontrar determinados objetos, como banheiros, assentos e mesas, ao mover o celular num ambiente.

O app reconhece o objeto e informa a direção e a distância até ele. Além disso, o Google confirmou que vai usar IA para gerar descrições automáticas das fotos tiradas diretamente pelo aplicativo — inicialmente, a novidade está disponível apenas em inglês.


Siga no Instagram
: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.

Texto livre no Look to Speak

O aplicativo Look to Speak, que permite reproduzir certas frases em voz alta apenas com os olhos, ganhou um modo de texto livre no qual o usuário pode personalizar as expressões. Nesse caso, é possível escolher emojis, fotos e outros ícones para ativar cada comando.

Maps mais acessível

O Google Maps ganhou uma série de novidades com foco em acessibilidade. Primeiramente, a marcação de locais acessíveis para cadeiras de rodas foi expandida para a versão desktop do app — antes, só estava disponível no Android e no iOS.

A plataforma de GPS
também melhorou a integração com o Google Lens para a leitura de tela e o guia de voz, indicado para pessoas com baixa visão ou cegueira. Agora, o app para celulares consegue dizer em voz alta a categoria dos lugares ao redor e a distância necessária para alcançá-los.

Além disso, comércios e outros estabelecimentos que possuem suporte ao protocolo Auracast podem mencionar este atributo no perfil do Maps. O Auracast é usado para transmitir áudio via dispositivos Bluetooth e tem suporte a diversos modelos de aparelhos auditivos, o que dispensa o uso de outro item para conseguir ouvir a descrição sonora de um local.

Project GameFace

O Project GameFace
é uma plataforma para desenvolvedores que permite controlar o Android a partir de gestos faciais. A interface foi lançada para computadores no ano passado e a versão para dispositivos móveis tem suporte a até 52 gestos diferentes, personalizáveis para cada necessidade.

Outras novidades

Por fim, a Gigante de Mountain View revelou mudanças em outras duas plataformas. A primeira é o Project Relate, voltado para criar um modelo de reconhecimento de fala personalizável: a ferramenta ganhou mais recursos de customização e consegue importar frases de outros aplicativos, como o Documentos do Google.

O Notificações de Som, que identifica barulhos ao redor, ganhou um novo design e facilita a busca por áudios. A acessibilidade foi um ponto muito importante no lançamento do Android 14 e o feito deve se repetir com o Android 15 — o sistema, inclusive, ganhou uma nova versão Beta
.

Leia a matéria no Canaltech
.

Trending no Canaltech:

Fonte

Enquete

O que falta para o centro de Campo Grande ter mais movimento?

Últimas