sábado, 18 de maio de 2024
Campo Grande
19°C

Rádio SOUCG

Wilma Petrillo é acusada de roubar joias de Gal Costa: "Golpista"

A disputa pela herança de Gal Costa ganhou mais um capítulo envolvendo sua ex-mulher e ex-empresária, Wilma Petrillo. Gabriel Fischmann, ex-produtor da cantora, fez uma série de acusações contra a viúva, incluindo de “roubar” joias deixadas por ela.

Em seu Instagram, o produtor publicou diversas fotos de Gal Costa utilizando peças luxuosas e chamou Wilma Petrillo de “ladra” e “estelionatária”. 

“Arraste as imagens para cima e leiam. Eu a acompanhei na loja da Cartier do Iguatemi-SP, que pode confirmar a limpeza de um relógio Cartier Tank Americaine de ouro branco. Não postei ainda sobre as joias Tiffany, Antonio Bernardo, Jack Vartanian e Lenny Niemeyer, principalmente as coleções ‘dadas’ pelo seu amigo joalheiro Antonio Bernardo, que pode atestar‼️”, disparou.

“Vou postar em seguida as joias. Só com 4 relógios acima, já acaba a teoria do ‘não existe joia’. R$ 655.000 só nestas fotos de 2 postagens‼️ Ladra, ladra, canalha, mentirosa (…) Vou desmentir a mentira da Wilma de que não há joias. Que era tudo ’emprestado’. Vou provar que tem, sim, joias em posse dela e que é direito do Gabriel, único e legítimo herdeiro”, concluiu.

Em outras publicações, ele também denunciou: “Arraste: R$ 655.000,00 em 2 postagens: apenas 4 itens. Amanhã postarei outras joias. Cobre, Gabriel Costa! Antonio Bernardo, colabore e bote a boca no mundo também” pediu, usando as hashtags “Wilma Petrillo estelionatária”, “Wilma golpista”, “Wilma ladra”, “narcisista”, “relação tóxica” e “Justiça”.

Em dezembro de 2023, Gabriel Fischmann já havia feito outras acusações contra a viúva de Gal Costa: “Mau-caráter, vil e má, que arrasou a vida de dezenas de pessoas e destruiu tantas outras (…) Favor levar direto para o manicômio judiciário, delegacia ou enfia numa camisa de força”.

*Texto de Júlia Wasko

Júlia Wasko é estudante de Jornalismo e encantada por notícias, entretenimento e comunicação. Siga Júlia Wasko no Instagram: @juwasko

Fonte

Enquete

O que falta para o centro de Campo Grande ter mais movimento?

Últimas