quinta-feira, 20 de junho de 2024
Campo Grande
19°C

Rádio SOUCG

  • ThePlus Audio

Klimt e Gaudí pontuam sucesso de mostra imersiva que estreia em SP

O Mooca Plaza Shopping, em São Paulo, recebe a partir desta sexta-feira (7), a primeira temporada no Brasil da exposição “Klimt e Gaudí, O impossível existe”. A mostra reúne duas exposições da produtora francesa Culturespaces Studio, “Gustav Klimt, Gold in Motion” (Gustav Klimt, Ouro em Movimento) e “Gaudí, Architect of the Imaginary” (Gaudí, o Arquiteto do Imaginário), que juntas ultrapassaram 5 milhões de visitantes em Paris, Bordeaux, Nova York, Amsterdam, Dortmund, Hamburgo e Seul.

A mostra ocupará 2.400 m² de arte e tecnologia dedicados a dois dos maiores artistas da história. O público brasileiro terá a oportunidade de presenciar exatamente os mesmos shows de superprojeções exibidos no grande Atelier des Lumières, em Paris, maior referência mundial na arte imersiva. Paredões gigantes de 7 metros de altura estruturam o mega-atelier de projeções que possui 1.500 m², sem contar os ambientes cenográficos que o antecedem.

“Fazemos uma curadoria cuidadosa e pelas nossas exposições para oferecer aos visitantes uma nova perspectiva sobre os grandes mestres da Hi aos stória da Arte. Não se trata apenas de ver as obras completas do artista; trata-se de vê-los ganhar vida através da música, adicionando profundidade e emoção a uma experiência inesquecível”, destaca Grégoire Monnier, diretor do Culturespaces Studio.

Com tecnologia de última geração, que inclui superprojetores de alta performance, processamento de dados instalado em mega computadores e transmissão 100% em cabos de fibra ótica, as enormes telas serão tomadas pela arte dos dois célebres artistas modernistas. A exposição imersiva apresenta releituras emocionantes com o uso de técnicas e ferramentas avançadas de videografismo, que ampliam, movimentam e aplicam efeitos incríveis sobre as obras.

Essa tendência mundial no segmento de entretenimento tem sido responsável por levar dezenas de milhões de pessoas a complexos de arte digital nas principais metrópoles do mundo. Na Europa, América do Norte, Ásia e, mais recentemente, na América Latina, multiplicam-se os novos espaços dedicados aos espetáculos imersivos baseados em superprojeções e outras tecnologias. “Há claramente um crescimento no interesse das pessoas para apreciar e contemplar coisas já conhecidas, agora sob novas formas e linguagens. Por um lado, o público obviamente continua a querer o contato com a arte de mestres consagrados, mas, por outro, demonstra um desejo crescente de sentir isso tudo de um modo diferente, a partir da aplicação de novas tecnologias, com lente de aumento, efeitos, movimentos e música envolvente”, comenta Davi Telles, diretor executivo da Lightland Produções.

Os ingressos já estão disponíveis para venda online no site da Ingresso.com e, presencialmente, no quiosque do Mooca Plaza Shopping. Com ingressos que oscilam entre R$ 80 e R$ 125, a mostra terá curta temporada no espaço.

Fonte

Enquete

O que falta para o centro de Campo Grande ter mais movimento?

Últimas