terça-feira, 28 de maio de 2024
Campo Grande
11°C

Rádio SOUCG

Boca de Cena começa hoje com performances e espetáculos teatrais e circenses gratuitos para todos os públicos

A Mostra Boca de Cena – Semana de Teatro e Circo de Mato Grosso do Sul começa na próxima segunda e apresentará peças teatrais gratuitas em todos os cantos da Cidade Morena. Serão espetáculos de teatro e circo apresentados na Praça Ary Coelho e na Lona da Mostra, que fica ao lado do Memorial da Cultura, e no Teatro Aracy Balabanian. O festival é organizado pelo Governo do Estado, por intermédio da FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul) e Setesc (Secretaria de Estado de Turismo, Esporte e Cultura).

Ao todo, serão 52 espetáculos de teatro e circo para toda a família. Além das apresentações, durante a semana será realizado o Seminário Estadual de Teatro e o primeiro Seminário de Circo, que discutirá políticas públicas para a área, sobre o fazer e pensar a arte como um todo, para todos os cantos do Estado.

Já na segunda-feira, às 14 horas, será apresentado o Espetáculo Teatral: “Todo redemoinho começa com um Sopro”, com o Teatro Cia OFIT. A apresentação será no Teatro Aracy Balabanian, que fica na Rua 26 de Agosto, 453, Centro. A classificação é de 14 anos.

Logo depois, às 14h30, será apresentado o Espetáculo “Circo – Gran FinaLLe”, da Cia Pisando Alto. Vai ser na Lona Boca de Cena, na Avenida Fernando Correa da Costa esquina com Av. Calógeras. A classificação é Livre.

Às 18 horas, Alessandra Tavares apresenta a Performance: “Querô – Índia Mendiga”, no Teatro Aracy Balabanian. A classificação é 16 anos. Logo depois, às 18h20, ainda no Teatro Aracy Balabanian, acontece o Espetáculo Teatral “Tekoha – Ritual de Vida e Morte do Deus Pequeno”, do Teatro Imaginário Maracangalha. A classificação é Livre.

Às 19 horas acontece a abertura oficial da Mostra com as homenagens, no Teatro Aracy Balabanian. Após a abertura, será apresentado o Espetáculo Teatral – “Os Corcundas”, de Breno Moroni. A classificação é Livre.

“O Boca de Cena é um verdadeiro presente para a população de Mato Grosso do Sul, uma oportunidade de acesso à cultura de forma gratuita e democrática. Estamos empenhados em proporcionar uma semana repleta de espetáculos teatrais e circenses de alta qualidade, levando entretenimento e reflexão para todos os cantos da capita”, salienta o secretário de Estado de Turismo, Esporte e Cultura, Marcelo Ferreira Miranda.

O diretor-presidente da Fundação de Cultura do estado, Eduardo Mendes, explica que Boca de Cena visa valorizar os artistas locais. “Além de destacar a riqueza cultural sul-mato-grossense, o Boca de Cena vem para destacar e valorizar nossos talentosos artistas locais. Estamos também preparando homenagens para reconhecer as contribuições significativas daqueles que muito fizeram pela cultura de Mato Grosso do Sul”.

Texto: Karina Lima

Foto: Fundação de Cultura de MS

Enquete

O que falta para o centro de Campo Grande ter mais movimento?

Últimas