sábado, 20 de julho de 2024
Campo Grande
20°C

Rádio SOUCG

  • ThePlus Audio

Preços da soja caem no Brasil e no exterior; veja cotações

Os preços da soja no mercado físico brasileiro registraram quedas nesta segunda-feira (8), acompanhando o movimento de baixa da Bolsa de Chicago.

A retração nos valores fez com que os produtores recuassem das negociações, à espera de preços mais atrativos.

Em Passo Fundo (RS), importante polo de comercialização, a saca de 60 quilos caiu de R$ 137 para R$ 134. Na região das Missões, a cotação se estabilizou em R$ 136 a saca. No Porto de Rio Grande, referência para exportações, o preço recuou de R$ 141,50 para R$ 138,50 a saca.

No Paraná, outro grande produtor, a saca se desvalorizou de R$ 130 para R$ 125 em Cascavel. No porto de Paranaguá, o preço diminuiu de R$ 141 para R$ 140.

Soja cai em Chicago

Os contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam em forte baixa nesta segunda-feira.

O contrato com vencimento em agosto, referência para o mercado, caiu 17,25 centavos de dólar, ou 1,47%, para US$ 11,49 por bushel. A posição novembro, que reflete a safra que está sendo plantada nos EUA, teve perda ainda maior, de 30,25 centavos ou 2,67%, fechando a US$ 10,99 1/2 por bushel.

A queda foi pressionada pela previsão de chuvas benéficas para as lavouras nos Estados Unidos, aliviando as preocupações com o clima seco, e pelo reposicionamento técnico de carteiras. As inspeções de exportação norte-americanas de soja também ficaram abaixo das expectativas do mercado.

Dólar em alta

O dólar comercial encerrou a sessão em alta de 0,25%, cotado a R$ 5,4740 para venda, em meio a um cenário de maior aversão ao risco nos mercados globais.

Fonte

Enquete

O que falta para o centro de Campo Grande ter mais movimento?

Últimas